Mobile

Lançamento do iPhone 8 deve ser adiado para outubro ou novembro


Os rumores não andam nada bons para os consumidores. Primeiro é o iPhone de mil dólares, depois o possível stock limitado da edição especial de smartphones da Apple e agora o evento principal da empresa pode ser adiado (ou feito em duas partes) graças à fabrico desse produto comemorativo.

Pelos últimos anos, a principal keynote da Apple tem sido feita em setembro, com o lançamento dos novos aparelhos duas semanas depois. Neste ano, de acordo com oEconomic Daily News, o site sugere que o lançamento pode ser passado para outubro ou novembro, já que a produção do iPhone 8 está a enfrentar problemas.

A publicação cita “problemas técnicos” como motivo para o delay. Isso não seria um caso tão grande, já que essas coisas acontecem todo ano, mas a questão é que, geralmente, fotos disponibilizadas dos iPhones começam desde cedo, seja de carcaça, um possível molde ou capas tiradas no interior da fabricante chinesa Foxconn e até agora nada.

Na melhor das hipóteses, a Apple melhorou a segurança contra “roubos” de informação do iPhone – ou eles ainda estão para ser produzidos em grandes quantidades.

Mais informações sobre o iPhone 8

De acordo com o Economic Daily News, o iPhone 8 deve ser produzido em larga escala no máximo até setembro, enquanto que o fabrico dos chips A11 da Apple devem ter início neste mês.

Um dos motivos que parecem estar a atrapalhar a produção dos smartphones é o processo de laminação da tela curvada OLED, e também a adoção de um sensor 3D na câmara frontal.

Mesmo que a Apple comece a vender a edição especial em outubro ou novembro, a princípio nada impede a empresa de anunciá-los no evento de setembro. Como os rumores apontam em três modelos diferentes, também é plausível que a empresa lance dois modelos com atualizações menores enquanto o smartphone com o redesign radical fique para um ou dois meses depois.


Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.